Melhorando a Análise do seu MAU com o Framework AIC

Home/Engajamento, Retenção/Melhorando a Análise do seu MAU com o Framework AIC

Melhorando a Análise do seu MAU com o Framework AIC

Para melhor contextualizar o Framework AIC, imagine a seguinte situação:

Todo ano você vai no seu médico fazer o Checkup anual. Você vai até o consultório, ele te faz algumas perguntas para saber se existe algo que te incomoda, então confere sua pressão e seus batimentos cardíacos e diagnostica que você está saudável igual a um atleta, e te manda pra casa.

Você se sentiria seguro?

Monitorar o número de usuários ativos por mês do seu App (MAU) é como estar constantemente aferindo sua pressão. É importante conferir, mas se estiver olhando somente isso você terá problemas.

Olhar apenas o MAU do seu App, não te trará uma imagem precisa do seu negócio e muito menos ajudará no seu crescimento.

Não se mensura engajamento com MAU

A primeira coisa que você precisa entender, é que não é porque um usuário está ativo que ele está engajado. Um usuário engajado interage com o app de maneira significativa.

retenção vs engajamento

 

Se você estiver analisando somente o MAU, seu App pode parecer em perfeito estado. Você verá vários novos usuários que adquiriu, sem saber se realmente estão interagindo com o App, e no final podendo perder 90% desses nos próximos 30 dias.

MAU é uma métrica de retenção, para entender se seus usuários estão voltando no seu App mês a mês, é importante, porém, não significa nada se os usuários não estiverem interagindo de forma mais significativa com o App.

Você pode ter 1 bilhão de MAUs – mas se nenhum desses usuários estiver realmente convertendo, você não tem nada mais do que um negócio falido.

Tornando o MAU significativo com o Framework AIC

Naturalmente você deve querer ter o maior número possível de usuários ativos, porém é importante conferir a qualidade desses usuários. Quantos usuários estão apenas abrindo o App, quantos estão tendo interações e por fim quantos realmente estão convertendo.

Essa análise é proposta pelo Framework AIC (Acknowledgment -> Interest -> Converted), onde conseguiremos maiores insights segmentando o MAU do seu aplicativo nesses 3 grupos.

 

framework AIC 

Acknowledgment / Reconhecimento

Essa é a camada com menor engajamento, aqui agrupamos usuários que abriram o app, interagiram com Push Notifications ou e-mails, foram impactados efetivamente através de retargeting e Deep Links, porém, não fizeram ações significantes no app.

Eventos que compõem essa camada:

  • Usuários que abriram o App
  • Usuários que abriram Push Notifications/Email

 

Interest / Interesse

Essa camada compreende quase sempre a maioria dos usuários em Apps. Incluímos aqui usuários que foram um passo além e realizaram qualquer ação que demonstre real intenção / interesse no conteúdo, recursos.

Eventos que compõem essa camada:

Cada aplicativo terá seu próprio set de eventos, alguns comuns são, por exemplo, alguma pesquisa e visualização de produtos, ou uso de principais features do App, como escutar uma música, postar uma foto.

 

Converted / Convertidos

Finalmente chegamos no topo da nossa pirâmide, os usuários que converteram. Aqui temos os usuários que realizaram uma compra, criaram o perfil, abriram uma conta, solicitaram um empréstimo, ou qualquer outra ação que signifique conversão para o seu negócio.

Esse evento de conversão não precisa ser um evento de monetização, como uma compra, mas deve estar estreitamente alinhado ao sucesso final do produto.

Eventos que compõem essa camada:

Compras, postagem, fazer uma sessão de treinamento (exemplo de aplicativo de fitness), marcar um compromisso, solicitar uma exibição, etc.

Entenda que o Framework AIC é adaptado de acordo com os eventos e ações do seu App, aqui listamos algumas ideias de como começar de acordo com o tipo do seu App:

Framework AIC

 

Quebrando o MAU do seu App em grupos menores, te ajuda a criar campanhas contextualizadas que incentivam os usuários a realizar ações-chave e desenvolver hábitos de uso no seu aplicativo, assim você não pressionará um usuário que só conhece você a ir direto para uma conversão, por exemplo.

 

Para quem interessa o Framework AIC

Em uma equipe de aplicativos móveis, todas as áreas podem se beneficiar utilizando essa Framework, pois ele ajuda a entender como está a vida do app em métricas, como também permite ir a fundo em cada estágio a fim de entender o que pode estar acontecendo e onde atuar deverá atuar.

Por exemplo, enquanto o time de Marketing consegue mensurar o impacto que as campanhas Push Notifications vêm fazendo para aumentar o índice de conversão, o time de produto e Dev Ops, podem descobrir pontos de melhoria na experiência do usuário, crashes, entre outros.

 

MAU é só uma peça do quebra cabeça

MAU não é uma métrica “atoa” e provavelmente nunca deixará de ser analisada. Porém, não é um indicador consistente da saúde do seu negócio.

Para obter uma visão completa da saúde do seu aplicativo, você precisa entender quem são seus usuários, o que fazem em seu aplicativo, quanto tempo permanecem e quais fatores influenciam a decisão de permanecer ativo (ou desinstalar). Para então, aplicar esses insights para agregar mais valor aos usuários e fazer além de voltarem, voltem e tenham interações reais.

 

Fonte: https://phiture.com/mobilegrowthstack/introducing-a-new-framework-for-mobile-engagement-acknowledgment-interest-conversion-aic-abdecb073940/

By |2020-10-11T09:43:32-03:009 de outubro de 2020|Engajamento, Retenção|0 Comments

About the Author:

CO-Fundador e CEO (Chief Engagement Officer) da Inngage. Vamos conversar sobre engajamento de usuários?

Leave A Comment